I Colóquio Ibérico de Paisagem homenageia "Nobel" da Arquitetura Paisagista

Lisboa
Fundação Calouste Gulbenkian

Nos dias 16 e 17 de Março realiza-se o I Colóquio Ibérico de Paisagem, sob o mote "O estudo e a construção da Paisagem como problema metodológico", onde se reunirão profissionais de várias disciplinas e será prestada uma homenagem ao Arquitecto Gonçalo Ribeiro Telles.

Gonçalo Ribeiro Telles é, quiçá, a figura nacional de maior reconhecimento na área da paisagem. Nasceu em Lisboa em 1922, licenciou-se em Engenharia Agrónoma e frequentou o curso livre de Arquitectura Paisagista no Instituto Superior de Agronomia. Tendo dedicado a sua vida à construção da paisagem, foi responsável, entre outros projectos, pelos jardins da Fundação Calouste Gulbenkian, o corredor verde de Lisboa e a integração da zona ribeirinha oriental e ocidental na Estrutura Verde Principal de Lisboa. Em 2013, foi-lhe atribuído o Prémio Sir Geoffrey Jellicoe, considerado "Nobel" da arquitectura paisagista, pela Federação Internacional dos Arquitectos Paisagistas em Auckland, na Nova Zelândia.

A homenagem decorrerá na Fundação Calouste Gulbenkian, no segundo dia do encontro, pelas 12h15, com a apresentação do documentário "A Vossa Terra – Paisagens de Gonçalo Ribeiro Telles" do cineasta João Mário Grilo. Neste filme, João Mário Grilo propôs-se pensar e documentar a obra do arquitecto, evocando, através dos seus textos e paisagens, "a força expressiva e poética da natureza e o poder transformador do homem sobre ela", lê-se na página do Indie Lisboa.

 

Fotografia dos jardins da Fundação Calouste Gulbenkian

 

Imagens:

Gonçalo Ribeiro Telles: rtppt via Visualhunt / CC BY-NC-SA

Jardins da Gulbenkian: Jorge Franganillo via Visualhunt / CC BY